Image
Image

Filtração por Membranas

Nos últimos 20 anos, a utilização de membranas para a produção de água pura tem vindo a ser generalizada, o que origina uma baixo de custos de produção acentuada, permitindo de forma clara aumentar o âmbito de aplicação destes equipamentos.
 
A utilização de equipamentos de membranas, como as osmoses inversas, para a produção de água pura, apresenta-se hoje em dia como uma opção viável economicamente, a que são adicionadas vantagens operacionais claras, das quais destacamos uma produção contínua sem interrupções e uma qualidade de água produzida constante. Os sistemas de osmose inversa, são hoje unidades compactas que ocupam pouco espaço e requerem uma baixa intervenção e vigilância durante o seu funcionamento.
 
Em contrapartida uma unidade de desmineralização implica uma operação por etapas, sendo que quando os ciclos após regeneração se iniciam a qualidade tende a ser não conforme, assim como quando se aproxima o fim de ciclo. Igualmente estes equipamentos ao requererem regenerações diárias implicam a existência de unidades de acondicionamento de ácidos e soda cáustica com sistema de aquecimento, bem como todos os equipamentos de preparação das soluções, incluindo a utilização de EPI’s obrigatória tendo em conta se tratar de elementos perigosos na sua manipulação.
 
Nos dias de hoje, uma instalação de osmose inversa em comparação com uma de desmineralização, além de ocupar menos espaço, são também de valor de investimento equivalente. Vantagem acrescida nos custos de operação, que se apresentam mais baixos em cerca de 35%.

Membrane Filtration

Over the last 20 years, the use of membranes for the production of pure water has been widespread, leading to a low cost of production, clearly allowing the scope of these equipment to be increased.

The use of membrane equipment such as reverse osmoses for pure water production is now an economically viable option, with clear operational advantages, including continuous uninterrupted production and high quality. of constant produced water. Reverse osmosis systems are now compact units that take up little space and require low intervention and vigilance during operation.

On the other hand, a demineralization unit implies a stepwise operation, and when the cycles after regeneration start the quality tends to be nonconforming, as well as when the end of the cycle approaches. Also, when these equipments require daily regeneration, they require the existence of heating and acidic caustic soda units, as well as all solution preparation equipment, including the use of mandatory PPE, considering that they are hazardous in their use. manipulation.

Nowadays, a reverse osmosis plant compared to a demineralization plant, besides taking up less space, are also of equivalent investment value. Added advantage in operating costs, which are about 35% lower.
© 2017 GreatWater. All Rights Reserved. Powered By ITFor